Notícias 18/09/2020

Notícias 18/09/2020

Custos da construção civil sobem 0,88% em agosto, maior alta do ano (Fonte: Grandes Construções)

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), divulgado na semana passada pelo IBGE, cresceu 0,88% em agosto, a maior taxa registrada neste ano. É um aumento de 0,39 ponto percentual em relação a julho (0,49%). Esse crescimento foi influenciado principalmente pelas altas do cimento e outros materiais, como bloco cerâmico e condutores elétricos. Leia mais clicando aqui.

Projeto quer reduzir em 10% alíquotas de Simples Nacional até final de 2020 (Fonte: Contábeis)

O Projeto de Lei Complementar (PLP) 231/20 reduz em 10%, até o final de 2020, as alíquotas cobradas de microempresas e empresas de pequeno porte optantes do Simples Nacional. O texto tramita na Câmara dos Deputados. Leia mais clicando aqui.

Crise: OCDE melhora perspectiva para economia mundial e para o Brasil em 2020 (Fonte: Contábeis)

Nesta quarta-feira (16), o OCDE disse que a economia global parece estar se recuperando do baque provocado pelo coronavírus mais rápido do que se imaginava há apenas alguns meses, graças à melhora nas perspectivas para a China e os Estados Unidos. O Brasil também ganhou perspectivas melhores para este ano, de acordo com as novas projeções. Leia mais clicando aqui.

LGPD: Digitalização alavancada pela Covid-19 agrava riscos na gestão de dados (Fonte: Contábeis)

Em breve, a LGPD entrará em vigor e muitas empresas já estão correndo contra o tempo para se adequar. A despeito da entrada em vigor da lei, a pandemia de Covid-19 provocou uma onda de digitalização dos negócios sem precedentes na qual os dados dos consumidores (desde cadastros completos, perfis nas redes sociais até números de Whatapps) ganharam um papel central para a realização de transações à distância em todos os setores da economia. Leia mais clicando aqui.

IBGE: Impacto da crise é maior para pequena empresa (Fonte: Contábeis)

Uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, mostra os resultados da crise provocada pela pandemia do coronavírus. Para especialistas, o impacto foi maior para as pequenas empresas. Leia mais clicando aqui.

Brasil registra saldo positivo de 782.664 no 2º quadrimestre; maioria dos novos negócios é de microempresas (Fonte: Infomoney)

De maio a agosto, o Brasil registrou um saldo positivo de 782.664 empresas abertas, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (17) pela Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia. Leia mais clicando aqui.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BASE SETEMBRO/2020 - VALORES DE REFERÊNCIA PARA LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOShttps://sindileq.org.br/wp-content/uploads/2020/09/SUGESTAO-DE-PRECOS-BASE-SET2020.pdf