[COVID-19] 9 Dicas para sua locadora não quebrar durante a crise do Coronavírus

[COVID-19] 9 Dicas para sua locadora não quebrar durante a crise do Coronavírus

E tudo indicava que 2020 seria uma grande ano para as empresas do setor de locação de máquinas, equipamentos e ferramentas. O coronavírus, no entanto, interrompeu bruscamente essa tendência.

Mesmo para quem aprendeu a lidar com a gestão empresarial em meio ao cenário turbulento de quatro anos atrás, encarar a crise gerada pela Pandemia do Coronavírus está sendo uma grande rasteira sem precedentes.

Fato é que boa parte das locadoras não tem a preparação adequada para gerir esta crise. E isso porque esta não é uma crise causada pela própria empresa, pelo mercado ou simplesmente tangente a economia do país. É um verdadeiro colapso mundial.

Então, como reagir à Crise?

Tenha em mente 3 atitudes que podem definir o futuro da sua locadora: haja com as intenções corretas, tome decisões assertivas e seja ágil. 

Muita gente procura um “Manual Anti-crise”, mas nem sempre a solução para tempos como estes vem como “receita de bolo”. Saber lidar com a instabilidade e repensar as estratégias empresariais é o melhor caminho.

Veja 9 estratégias para ajudar as locadoras de equipamentos contra a crise do coronavírus

1. Tenha consciência do problema

Aceite que você vai ser afetado e que todos seremos, que sua locadora vai sim sentir os efeitos, em menor ou maior grau. Focalize sua energia nas soluções criativas;

2. Não exite em contar com ajuda

Acione pessoas que sejam aptas a ajudar resolver o problema. Troque experiências com outros locadores de sua confiança. O networking é essencial neste momento. Entenda as boas práticas que as outras locadoras estão executando e se fortaleça com isso. 

Evite pessoas que só sabem falar da crise negativamente e pensamentos pessimistas para manter a serenidade e o foco no que realmente importa.

3. Formalize e priorize ações de efeito imediato

Faça uma análise rápida do cenário, tome medidas pontuais, mas efetivas e não pare de planejar. O planejamento estabelece um senso de direção, além de aumentar a eficiência operacional.

Além disso, formalize para sua equipe que agora sua empresa está tomando medidas anti-crise. Deixe claro a importância do envolvimento de todos no problema, fazendo com que sintam-se parte da solução. Isso trará força, melhora do desempenho, da performance. Demonstre confiança na equipe para juntos ditarem o ritmo das ações e mudanças.

4. Use o momento à seu favor

Aproveite para deixe a manutenção dos equipamentos em dia, melhore processos internos, reorganize a rotina de trabalho da equipe, aprimore a comunicação interna (equipe) e externa (clientes e fornecedores). Quando essa fase passar, sua locadora terá mais estrutura para trabalhar com à todo vapor.

5. Renegocie boletos, aluguéis, contas

Muitos fabricantes e bancos estão dispostos a renegociar prazos para ajudar as locadoras. Faça isso com consciência e assertividade, mas cumpra todos os prazos e condições com os quais você irá comprometer-se.

6. Crie um boletim informativo para seus clientes e colaboradores

É provável que o ritmo tenha diminuído, mas atualmente é ótimo enviar um e-mail periodicamente para seus clientes com todas as informações de tudo que foi e está sendo feito pela sua locadora para que ele não fique sem a sua assistência e perceba que sua empresa é organizada e preocupa-se com o bem estar dos seus clientes. Isso só vai contar pontos à seu favor.

7. Faça reuniões diárias e rápidas com sua equipe

Atualize todos da situação da empresa da melhor forma possível. Manter colaboradores informados contribui para diminuir o medo e aumentar o trabalho em equipe.

8. Metas curtas e tangíveis

Muita coisa pode mudar com a crise. Procure ser ágil, mas minimamente organizado. Crie metas curtas e com objetivos claros, essa é a hora de trazer os colaboradores da locadora para ajudar. Para criar as metas, oriente-se principalmente pela gestão de riscos e itens que vieram do planejamento original para este ano. Mas lembre-se: sempre pode aparecer algo novo que pode mudar ou atualizar o plano.

9. Mantenha a serenidade

Lidar com a crise é tomar decisões o tempo todo e promover mudanças constantemente. Seja assertivo, cuide da sua equipe e trabalhe para fazer das mudanças algo duradouro, sem peso nem desespero, mas com muita consciência e sabedoria.

Como o Sindileq-MG pode ajudar?

O Sindileq-MG tem se reunido periodicamente com prefeitos e secretários e também integrado comissões e conselhos municipais a fim de trazer soluções e esclarecer maiores dúvidas a respeito da crise gerada pelo COVID-19 no setor de construção civil.

Além disso, estamos construindo parcerias com a iniciativa privada e poder público para ajudar o pequeno negócio a sair mais forte desta crise. 

Esclareça as suas dúvidas sobre o Coronavírus (COVID-19).
Nossa equipe está pronta para lhe atender de forma profissional e dar total suporte e atenção.



Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BASE SETEMBRO/2020 - VALORES DE REFERÊNCIA PARA LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOShttps://sindileq.org.br/wp-content/uploads/2020/09/SUGESTAO-DE-PRECOS-BASE-SET2020.pdf