Como calcular o BDI?

 

A precificação de obras é uma tarefa complexa e requer cuidado, para que não haja redução da margem de ganho e prejuízos ao andamento da construção. É preciso considerar os custos diretos e indiretos calculando o BDI (Benefícios e Despesas Indiretas).

A fórmula do BDI contribui para formação de valores justos e precisos, mas é preciso conhecer bem os itens que compõem o cálculo e como chegar ao preço final. 

 

Neste post, explicaremos o que é e como calcular o BDI.

 

O termo vem do inglês Budget Difference Income, que no Brasil foi traduzido como Benefícios e Despesas Indiretas. No cálculo do preço final, o BDI é um componente adicional aos custos diretos.

Para chegar a ele é necessário apurar uma série de elementos dos quais o preço da construção depende. Por isso é fundamental ter uma boa gestão de obras, que garanta a veracidade de valores ou informações.

 

Os elementos do cálculo do BDI são:

  • Administração Central (AC) — despesas com a estrutura administrativa da empresa, como aluguel, recursos humanos, serviços de telecomunicações etc;
  • Custo Financeiro (CF) — é uma estimativa do quanto o capital investido na obra renderia caso estivesse aplicado no mercado financeiro (uma das referências usadas nesse caso é o rendimento do CDB); 
  • Seguros (S) — é o percentual (cerca de 0,6%) sobre o total da obra, que deve ser reservado como seguro básico;
  • Garantias (G) — é a taxa de caução, seguro garantia, fiança bancária ou títulos da dívida pública;
  • Margem de Incerteza (MI) — representa custos com imprevistos não cobertos por seguros;
  • Tributos Municipais (TM) — taxa relativa ao Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN) e outros tributos municipais;
  • Tributos Estaduais (TE) — compreende o percentual dos tributos estaduais, como o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), quando houver;
  • Tributos Federais (TF) — entram as contribuições para os Programas de Integração Social (PIS) e para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), por exemplo;
  • Margem Bruta de Contribuição (MBC) — é a lucratividade prevista para o projeto.

Como é feito o cálculo do BDI?

Todos os elementos apresentados acima são incluídos na fórmula usada para chegar ao BDI, que resultará em um percentual a ser utilizado na composição de preço. Confira a estrutura do cálculo:

BDI = (1 + (AC + MI + S + G)) (1 + CF) (1 + MBC) – 1

 1 – (TM + TE + TF)

O item que nem sempre se aplica ao cálculo é a tributação estadual. No mais, todos os outros elementos são imprescindíveis para chegar a um resultado preciso. Antes de iniciar a composição de preço, portanto, é necessário relacionar todos esses componentes, como no exemplo a seguir:

Item Percentual (%)
Administração Central 5,00%
Custo Financeiro 1,40%
Seguro 0,60%
Garantias 0,20%
Margem de Incerteza 1,50%
Tributos Municipais 3,00%
Tributos Estaduais
Tributos Federais (PIS e Cofins) 4,00%
Margem de Contribuição 8%

BDI = (1 + (5 + 1,5 + 0,6 + 0,2)) (1 + 1,4) (1 + 8) – 1

    1 – (3 + 0 + 4)

BDI = 26,35%

Esse percentual deve ser considerado no cálculo do preço de venda, obtido pela fórmula:

PV = CD (1 + BDI/100)

Sendo:

PV: Preço de Venda

CD: Custos Diretos

BDI: Benefícios e Despesas Indiretas

Considerando uma obra que tenha custos diretos de R$ 10.000,00, o preço de venda será o seguinte:

PV = 10.000 (1 + 26,35/100)

PV = R$ 12.635,00

Caso o cálculo tivesse sido feito considerando apenas os custos diretos e a margem de ganho pelo serviço, o valor final seria R$ 10.800,00.

 

O BDI, portanto, é importante para chegar a um preço de venda sustentável, tornando fundamental ao construtor dar sempre muita atenção aos custos da obra, ao lucro pretendido e também aos tributos. É através dele que a empresa arbitra seu lucro e é também através do qual o custo de uma obra é transformado em preço de venda.

 

Para saber mais sobre o Sindileq-MG entre em contato conosco pelo telefone:. (31) 3375-8485 ou e-mail: sindileq@sindileq.org.br – Será um prazer conversar com você.

 

Fonte: http://www.stant.com.br/bdi-o-que-e-e-como-calcular/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *